Campeonato Brasiliense de Futebol

Curiosidades, campeões e história do Campeonato Estadual do Distrito Federal.

Futebol

Campeonato Brasiliense de Futebol

Quem é o maior campeão estadual do Distrito Federal? Qual clube tem mais títulos estaduais do Campeonato Brasiliense? Confira nesta página!



História do Campeonato Brasiliense
O Campeonato Brasiliense de Futebol é a principal competição de futebol do Distrito Federal. Organizado pela Federação de Futebol do Distrito Federal (FFDF), o Campeonato Brasiliense é disputado desde 1959, antes mesmo da mudança oficial da capital federal para Brasília.

O Campeonato Brasiliense de Futebol também é chamado de Campeonato Candango, Campeonato Metropolitano, Campeonato de Brasília e Candangão é disputado por equipes do Distrito Federal, de Goiás e de Minas Gerais. Em 2014, a Associação Atlética Luziânia fez história ao se tornar a primeira equipe de outro estado a vencer o título de uma competição organizada por outra federação. A escolha pela disputa do Campeonato Brasiliense por algumas equipes goianas e mineiras se deve ao fato da proximidade dos estádios que disputam o campeonato do Distrito Federal em relação aos estádios dos clubes desses estados.

A primeira edição foi realizada antes mesmo da fundação de Brasília. Campeonato Brasiliense de Futebol de 1959. O Grêmio Brasiliense do Núcleo Bandeirante foi o primeiro campeão, mas este título não é reconhecido pela FFDF. O primeiro título reconhecido é do Defelê no ano seguinte. O profissionalismo começou em 1964, mas se tornou definitivo apenas em 1976. O Rabello Futebol Clube conquistou o primeiro título profissional do novo Distrito Federal*.

* Em 1834 a cidade do Rio de Janeiro foi transformada em Município Neutro, permanecendo como capital do império, posteriormente, o Município Neutro tornou-se o Distrito Federal. Em 1960, o antigo Distrito Federal passou a se chamar o Estado da Guanabara (com apenas uma cidade, o Rio de Janeiro), separado do Estado do Rio de Janeiro. Os dois estados foram reunificados em 1975. O Campeonato do Distrito Federal passou a se chamar Campeonato Estadual da Guanabara em 1960 e durou até 1979, quatro anos após a fusão da Guanabara com o Estado do Rio de Janeiro.

Divisões e clubes do Campeonato Brasiliense
Atualmente, o Campeonato Brasiliense é disputado por 22 equipes em duas divisões entre janeiro (1ª Divisão) e entre abril e agosto (2ª Divisão). A 1ª Divisão tem 12 clubes; enquanto a 2ª Divisão é disputada por dez clubes. A Terceira Divisão foi disputada entre 2006 a 2009.

Promoção e Rebaixamento do Campeonato Brasiliense
Geralmente, dois clubes são rebaixados da 1ª Divisão para a 2ª Divisão; dois clubes são promovidos da 2ª Divisão para a 1ª Divisão do ano seguinte.

Divisão - Promovidos - Rebaixados
1ª Divisão - Nenhum - 2
2ª Divisão - 2 - Nenhum

Vagas para a Copa Verde, Copa do Brasil e Série D do Campeonato Brasileiro através do Campeonato Brasiliense
O Distrito Federal é o atual 21º colocado no Ranking Nacional das Federações (RNF) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), entre as 27 unidades federativas do Brasil. Esta posição possibilita à Federação Brasiliense de Futebol distribuir duas vagas para a Copa do Brasil, uma vaga para a Copa Verde e duas vagas para a Série D do Campeonato Brasileiro. Os dados do RNF são de dezembro de 2019.

Maiores campeões estaduais do Campeonato Brasiliense

Qual é o maior clube campeão estadual do Distrito Federal? O Gama é o recordista de títulos do Campeonato Brasiliense com 12 títulos, seguido do Brasiliense com nove títulos e do Brasília com oito títulos. Estes três clubes detêm juntos 29 títulos Brasilienses de 64 títulos disputados entre 1959 a 2019.

Brasília é a localidade que disputa o campeonato do Distrito Federal com mais títulos do Campeonato Brasiliense, com 24 títulos, seguida de Taguatinga com 15 títulos e Gama com 13 títulos. Estas três localidades detêm juntas 52 títulos Brasilienses de 64 títulos disputados entre 1959 a 2019.

* O Campeonato Brasiliense é atualmente disputado pelos clubes do Distrito Federal e de cidades próximas de Minas Gerais e Goiás. Este é um campeonato em que as localidades podem ser municípios (dos estados fora do Distrito Federal) ou regiões administrativas, que são as subdivisões territoriais do Distrito Federal. A região administrativa do Plano Piloto, também é denominada como "Região Administrativa I" ou "Brasília".

Veja abaixo a lista dos campeões Brasilienses de futebol. Estão incluídos os campeões da Primeira Divisão do Distrito Federal. Não estão incluídas nesta lista os campeões de turnos, campeonatos de divisões inferiores, torneios extras e campeonatos de amadores, aspirantes e juvenis deste estado.

Campeões do Campeonato Brasiliense
Ano - Campeão - Vice
1959 - Grêmio Brasiliense - Guará
1960 - Defelê - Guará
1961 - Defelê - Rabello
1962 - Defelê - Colombo
1963 - Cruzeiro do Sul - Rabello
1964 - Guanabara e Rabello - Dínamo e Defelê
1965 - Pederneiras e Rabello - Guanabara e Colombo
1966 - Guanabara e Rabello - Vila Matias e Luziânia
1967 - Rabello - Cruzeiro do Sul
1968 - Defelê - Rabello
1969 - Coemge - Grêmio Brasiliense
1970 - Grêmio Brasiliense - Civilsan
1971 - Colombo - Serviço Gráfico
1972 - Serviço Gráfico - CEUB
1973 - CEUB - Relações Exteriores
1974 - Pioneira - Guará
1975 - Campineira - CSU
1976 - Brasília - Guará
1977 - Brasília - Bandeirante
1978 - Brasília - Taguatinga
1979 - Gama - Brasília
1980 - Brasília - Gama
1981 - Taguatinga - Guará
1982 - Brasília - Guará
1983 - Brasília - Guará
1984 - Brasília - Sobradinho
1985 - Sobradinho - Taguatinga
1986 - Sobradinho - Taguatinga
1987 - Brasília - Taguatinga
1988 - Tiradentes - Guará
1989 - Taguatinga - Sobradinho
1990 - Gama - Taguatinga
1991 - Taguatinga - Guará
1992 - Taguatinga - Tiradentes
1993 - Taguatinga - Gama
1994 - Gama - Sobradinho
1995 - Gama - Brasília
1996 - Guará - Gama
1997 - Gama - Brasília
1998 - Gama - Guará
1999 - Gama - Dom Pedro
2000 - Gama - Bandeirante
2001 - Gama - Brasiliense
2002 - CFZ de Brasília - Gama
2003 - Gama - Brasiliense
2004 - Brasiliense - CFZ de Brasília
2005 - Brasiliense - Ceilândia
2006 - Brasiliense - Gama
2007 - Brasiliense - Guará
2008 - Brasiliense - Dom Pedro
2009 - Brasiliense - Brasília
2010 - Ceilândia - Brasiliense
2011 - Brasiliense - Gama
2012 - Ceilândia - Luziânia
2013 - Brasiliense - Brasília
2014 - Luziânia - Brasília
2015 - Gama - Brasília
2016 - Luziânia - Ceilândia
2017 - Brasiliense - Ceilândia
2018 - Sobradinho - Brasiliense
2019 - Gama - Brasiliense
2020 -

Clubes Campeões do Campeonato Brasiliense
Clube - Cidade ou Região Administrativa - Títulos estaduais do Distrito Federal (anos)
Gama - Gama - 12 (1979, 1990, 1994, 1995, 1997, 1998, 1999, 2000, 2001, 2003, 2015 e 2019)
Brasiliense - Taguatinga - 9 (2004, 2005, 2006, 2007, 2008, 2009, 2011, 2013 e 2017)
Brasília - Brasília - 8 (1976, 1977, 1978, 1980, 1982, 1983, 1984 e 1987)
Taguatinga - Taguatinga - 5 (1981, 1989, 1991, 1992 e 1993)
Rabello - Brasília - 4 (1964, 1965, 1966 e 1967)
Defelê - Brasília - 4 (1960, 1961, 1962 e 1968)
Sobradinho - Sobradinho - 3 (1985, 1986 e 2018)
Ceilândia - Ceilândia - 2 (2010 e 2012)
Luziânia - Luziânia-GO - 2 (2014 e 2016)
Grêmio Brasiliense - Núcleo Bandeirante - 2 (1959 e 1970)
Guanabara - Brasília - 2 (1964 e 1966)
Guará - Guará - 1 (1996)
Colombo - Núcleo Bandeirante - 1 (1971)
CEUB - Brasília - 1 (1973)
Tiradentes - Ceilândia - 1 (1988)
Serviço Gráfico - Brasília - 1 (1972)
Cruzeiro do Sul - Cruzeiro - 1 (1963)
Pederneiras - Brasília - 1 (1965)
Coenge - Gama - 1 (1969)
Pioneira - Taguatinga - 1 (1974)
Campineira - Brasília - 1 (1975)
CFZ de Brasília - Brasília - 1 (2002)

Cidades com mais títulos do Campeonato Brasiliense
Cidade ou Região Administrativa - Títulos estaduais do Distrito Federal (anos)
Brasília - 23
Taguatinga - 15
Gama - 13
Núcleo Bandeirante - 3
Ceilândia - 3
Sobradinho - 3
Luziânia (GO) - 2
Guará - 1
Cruzeiro - 1

Unidades Federativas (Estados ou Ditrito Federal) com mais títulos do Campeonato Brasiliense
Unidade Federativa - Títulos estaduais do Distrito Federal (anos)
Distrito Federal - 63
Goiás - 1
Minas Gerais - 0

Campeões consecutivos do Campeonato Brasiliense

Veja a lista dos campeões consecutivos do Campeonato Brasiliense.

Hexacampeonatos
Brasiliense: 1 vez (2004-05-06-07-08-09)

Pentacampeonatos
Gama: 1 vez (1997-98-99-00-01)

Tetracampeonatos
Rabello: 1 vez (1964-65-66-67)

Tricampeonatos
Brasília: 2 vezes (1976-77-78, 1982-83-84)
Defelê: 1 vez (1960-61-62)
Taguatinga: 1 vez (1991-92-93)

Bicampeonatos
Gama: 1 vez (1994-95)
Sobradinho: 1 vez (1985-86)

Maiores jejuns do Campeonato Brasiliense
Nos esportes, um jejum refere-se a casos em que um indivíduo ou uma equipe passou por um longo período de tempo sem atingir algum objetivo. Para uma equipe, isso geralmente se refere a um período prolongado de tempo sem ganhar um campeonato. Os jejuns ocorrem por várias razões, desde má administração até má sorte. Alguns jejuns também são popularmente atribuídos a uma maldição. Em inglês é usado o termo drought ou drouth (seca) para esta situação.

Veja abaixo os jejuns de títulos dos clubes Brasilienses na Primeira Divisão do Campeonato Estadual do Distrito Federal (até 2020).

Clube - Anos sem vencer o Estadual - Último título estadual
Gama - 1 ano - 2019
Sobradinho - 2 anos - 2018
Brasiliense - 3 anos - 2017
Luziânia - 4 anos - 2016
Ceilândia - 8 anos - 2012
CFZ de Brasília - 18 anos - 2002
Guará - 24 anos - 1996
Taguatinga - 27 anos - 1993
Tiradentes - 32 anos - 1988
Brasília - 33 anos - 1987
Campineira - 45 anos - 1975
Pioneira - 46 anos - 1974
CEUB - 47 anos - 1973
Serviço Gráfico - 48 anos - 1972
Colombo - 49 anos - 1971
Grêmio Brasiliense - 50 anos - 1970
Coenge - 51 anos - 1969
Defelê - 52 anos - 1968
Rabello - 53 anos - 1967
Guanabara - 54 anos - 1966
Pederneiras - 55 anos - 1965
Cruzeiro do Sul - 57 anos - 1963

Artilheiros do Campeonato Brasiliense

Ano - Artilheiro - Clube - Gols
1970 - Arnaldo - Civilsan - 8
1971 -
1972 -
1973 - Humberto - Relações Exteriores - 12
1974 - Nemias - Pioneira - 6
1975 - Lucas - CEUB - 11
1976 - Rogério - Brasília - 9
1977 - Julinho - Brasília - 15
1978 - Edmar - Brasília - 9
1979 - Péricles - Gama - 10
1980 - Fantato - Gama - 23
1981 - Péricles - Taguatinga - 9
1982 - Éder Antunes - Guará - 9
1983 - Santos - Brasília - 22
1984 - Vander - Brasília - 12
1985 - Toni - Sobradinho - 17
1986 - Joãozinho - Taguatinga - 17
1987 - Bé - Tiradentes - 18
1988 - Moura - Tiradentes - 16
1989 - Moura - Tiradentes - 14
1990 - Evandro - Gama - 8
1991 - Paulinho e Vander - Guará - 11
1992 - Joãozinho - Taguatinga - 25
1993 - Gil - Gama - 19
1994 - Anderson - Gama - 18
1995 - Gil - Planaltina - 13
1996 - Dimba - Sobradinho - 22
1997 - Mazinho e Serginho - Brasília - 12
1998 - Marquinhos Silva - Ceilândia - 14
1999 - Joãozinho - Brazlândia - 17
2000 - Jakson - Bandeirante e Allyson - Brasília - 9
2001 - Weldon - Brasiliense - 13
2002 - Tiano - CFZ de Brasília - 21
2003 - Cassius - CFZ de Brasília - 13
2004 - Bispo - CFZ de Brasília - 12
2005 - Fabinho - Ceilândia - 14
2006 - Jonhes - Ceilândia - 9
2007 - Thiago - Dom Pedro II - 10
2008 - Michel - Dom Pedro II - 9
2009 - Fábio Júnior - Brasiliense - 8
2010 - Vanderlei - Brasiliense - 11
2011 - Rômulo Marques - Brasiliense e Fábio Silva - Gama - 8
2012 - Paulo Renê - Gama - 15
2013 - Laércio - Sobradinho - 11
2014 - Éder - Bosque Formosa - 9
2015 - Thiago Miracema - Gama, Héverton - Brasília, Luiz Carlos - Brasiliense e Éder - Luziânia - 6
2016 - Aldo - Luziânia e Rafael Grampola - Gama - 6
2017 - Romarinho - Ceilândia - 13
2018 - Michel Platini - Sobradinho - 11
2019 - Jessuí - Formosa - 8
2020 -

Curiosidades do Campeonato Brasiliense

• O Campeonato Brasiliense de Futebol é disputado por clubes das Regiões Administrativas do Distrito Federal (também chamadas de cidades satélites) e também de clubes de Goiás (como Formosa Esporte, Valparaíso e Luziânia) e de Minas Gerais (como o Paracatu Futebol Clube, ex-Unaí Esporte Clube). Estes clubes goianos e mineiros optaram jogar o campeonato do Distrito Federal devido às menores distâncias de Brasília em relação aos outros clubes de seus próprios estados.

• O confronto entre o Legião e o Capital é considerado o "Clássico do Rock", pela alusão as bandas de rock brasiliense Legião Urbana e Capital Inicial. O Legião Futebol Clube foi fundado em 2001, como uma equipe amadora, o clube foi originário do projeto social Legião de Craques, voltado para crianças de baixa renda. O Legião se profissionalizou em 2006. O nome é em homenagem à banda Legião Urbana. Já o Capital Clube de Futebol Ltda. não tem o nome inspirado na banda brasiliense e sim na capital do país. O Capital foi fundado em 1980, dois anos da formação da banda de rock, mesmo assim o nome "Clássico do Rock" passou a ser usado nos confrontos entre os dois times. O primeiro confronto entre o Legião e o Capital foi em 22 de setembro de 2007.

• Vários clubes fazem referência aos clubes da antiga capital, o Rio de Janeiro, e aos tradicionais clubes do ex-Distrito Federal: América, Botafogo, Carioca, Flamengo EC (atual Cruzeiro EC), Flamengo de Brasília, Guanabara, Vasco da Gama, etc. Já outros clubes fazem referências aos setores da nova capital e as regiões administrativas do Distrito Federal.

• O Brasiliense é o único hexacampeão brasiliense. O clube conquistou o hexacampeonato em 2004, 2005, 2006, 2007, 2008 e 2009.

• Em dezembro de 2014, a Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan) realizou uma pesquisa para medir as torcidas de futebol do Distrito Federal. A amostra contou com quase 25 mil domicílios de todas as regiões administrativas do Distrito Federal. A pesquisa revelou que apenas 5,9% da população do Distrito Federal torcem por uma equipe local. Deste percentual, 73,2% dos torcedores torciam ou para o Gama (45,0% dos torcedores que torcem por times locais) ou para o Brasiliense (28,2% dos torcedores que torcem por times locais). O Gama, a maior torcida local do Distrito Federal, só aparece em nono lugar na lista das maiores torcidas do Distrito Federal, atrás de: Flamengo, Vasco, Corinthians, São Paulo, Botafogo, Fluminense, Palmeiras e Cruzeiro. Mais da metade dos torcedores do Distrito Federal torcem pelo Flamengo, clube de maior torcida da antiga capital e também de todo o país.

• Em alguns estados os clubes estão muito isolados geograficamente das outras equipes, por isso optam por disputar outros estaduais. Este fenômeno ocorre no Campeonato Brasiliense, que tem equipes do Distrito Federal, Goiás e Minas Gerais. No Campeonato Piauiense também ocorre o mesmo fenômeno. O Esporte Clube Timon é um clube localizado na cidade maranhense de Timon, cidade próxima da capital piauiense. Dos 15 municípios da Grande Teresina, apenas Timon está localizada fora do Piauí. Devido a este proximidade o EC Timon é filiado a Federação de Futebol do Piauí e disputa desde 2015 o Campeonato Piauiense de Futebol. Já o Timon Esporte Clube disputa o Campeonato Maranhense. Na mesma cidade a Associação Pinheiro Futebol Clube também já fez parte do campeonato do estado vizinho.

• A Associação Atlética Luziânia apesar de estar situada em Goiás disputa um campeonato da Federação de Futebol do Distrito Federal. Isto porque a cidade de Luziânia está localizada na Região Integrada de Desenvolvimento do Distrito Federal e Entorno, uma região integrada de desenvolvimento econômico que é constituída pelo Distrito Federal, e pelos municípios próximos de Goiás e Minas Gerais. Além da AA Luziânia disputam o campeonato do Distrito Federal o Bosque Formosa Esporte Clube, localizado em Formosa, Goiânia; o Unaí Esporte Clube da cidade mineira de Unaí (que já foi sediado em Paracatu-MG sob o nome de Paracatu Futebol Clube); e a Associação Botafogo Futebol Clube (que antes se chamava Clube Esportivo Guará e estava sediado em Guará, no Distrito Federal. Entretanto, o clube mudou de nome e cidade. O Botafogo-DF passou a ser sediado em Novo Gama, município do estado de Goiás próximo ao Distrito Federal). Em 2014, o Luziânia ganhou o primeiro título brasiliense de uma equipe de outra unidade federativa. A equipe voltou a ganhar o Candangão em 2016. Também já disputaram o Campeonato Brasiliense as equipes goianas: o Cristalina e o Clube Atlético Cristalinense de Cristalina, o Grêmio Esportivo Valparaíso de Valparaíso de Goiás, Sociedade Esportiva Planaltina de Planaltina (atualmente sediado na região administrativa de Samambaia), a Associação Atlética Alexaniense de Alexânia e o Formosa Futebol Clube de Formosa; e a equipe mineira do União Esporte Clube de Paracatu.

• A Associação Botafogo Futebol Clube foi fundada como Clube Esportivo Guará, situada na região administrativa do Distrito Federal de mesmo nome. O clube firmou parceria com o Botafogo de Futebol e Regatas, do Rio de Janeiro. O clube mudou para o atual nome e passou a ser sediado em Novo Gama, município do estado de Goiás próximo ao Distrito Federal; e, depois, em Santo Antônio do Descoberto, cidade goiana próxima ao Distrito Federal. Apesar de estar situado em Goiás, o Botafogo-DF manda seus jogos no Estádio Bezerrão, no Gama. Curiosamente, o maior artilheiro do clube é Túlio Maravilha, ídolo também do Botafogo carioca.

Saiba mais em: Curiosidades dos Campeonatos Estaduais de Futebol do Brasil

Clubes do Campeonato Campeonato Brasiliense

Veja a lista dos clubes em atividade, licenciados e extintos de todas as divisões do Campeonato Brasiliense.

Clubes em atividade do Campeonato Brasiliense
• Bolamense • Bosque Formosa • Botafogo-DF • Brasília • Brasiliense • Capital • Ceilandense • Ceilândia • CFZ de Brasília • Cruzeiro-DF • Gama • Legião • Luziânia • Paranoá • Planaltina EC • Real Brasília • Samambaia • Santa Maria • SESP Samambaense (ex-SE Planaltina) • Sobradinho • Taguatinga • Unaí

Clubes licenciados, extintos e demais clubes do Campeonato Brasiliense
• 1º de Maio • 26 de Outubro • AA Bancária • AD Comercial • AD Taguatinga • Alexaniense • Alvorada-DF • América • ARUC • ASSIBAN • Atlântida • Atlas • Atlético Cristalinense • Atlético Taguatinga • Barroso • Brasil • Brasil Central • Brasília Palace • Brazlândia • Brazsat • Campineira • Canarinho • Carioca • CEUB • Civilsan • Clube Atlético • Coenge • Colombo • Cruzeiro do Sul • Cruzeiro EC (ex-Flamengo EC) • CSU • Defelê • Dínamo • EBE • EC Brasília • Expansão • Flamengo de Brasília • Formosa FC • Gaminha • Grêmio Brasiliense • Guadalajara • Guanabara-DF • Guará • Guarany • Humaitá • Industrial • IPASE • Itapuã • Jaguar • Kosmos • La Salle • Mariana • Maringá • Nacional-DF • Novo Horizonte • Pacheco Fernandes • Paracatu • Pederneiras • Piloto • Pioneira • Planaltina AC • Planaltinense • Planalto • Presidência • Rabello • Radium • Real de Brasília • Relações Exteriores • Serviço Gráfico • Serviço Social • Setor Automobilístico • Tiradentes • Tiradentes-DF • Trópicos • União • União de Paracatu • Unidos de Sobradinho • Valparaíso • Vasco da Gama • Vila Matias

Ficha do Distrito Federal

Bandeira do Distrito Federal   Brasão do Distrito Federal
Bandeira do Distrito Federal e Brasão do Distrito Federal

Região: Centro-Oeste
Capital: Brasília
O Distrito Federal faz divisa com: Goiás e Minas Gerais
Mesorregiões: 1
Microrregiões: 1
Municípios: 1
Área: 5.801,937 km²
População: 2.333.108 hab. IBGE/2005
Densidade: 353,53 habitantes/km²
Clima: Tropical
Fuso Horário: GMT-3 (horário de Brasília)

Indicadores do Distrito Federal:
Analfabetismo: 4,4% 2003
Mortalidade infantil: 17,5% 2002
Expectativa de vida: -
Índice Gini: -
IDH do Distrito Federal: 0,844 PNUD/2000
PIB do Distrito Federal: R$ 37.752.658 mil IBGE/2003
PIB per capita: R$ 16,920 IBGE/2003
Quem nasce no Distrito Federal é: brasiliense
Sigla: DF

Hino do Distrito Federal em mp3 - n.d.

Mapa do Distrito Federal
Mapa do Distrito Federal

História dos Campeonatos Estaduais de Futebol do Brasil

O Brasil é um país continental. Alguns estados brasileiros são maiores do que muitos países. A impossibilidade de se criar um campeonato em âmbito nacional gerou a criação de campeonatos estaduais quando o futebol começou a se popularizar. A tradição destes campeonatos ainda resiste e é um dos motores das rivalidades das equipes do mesmo estado. Saiba nesta página qual o campeonato estadual mais antigo do país, qual o clube que tem mais títulos estaduais no país, entre outras curiosidades dos campeonatos estaduais de futebol do Brasil. Saiba mais em: História dos Campeonatos Estaduais de Futebol do Brasil

• Site oficial da Confederação Brasileira de Futebol - CBF.

Campeonatos Estaduais de Futebol do Brasil

História : Campeões : Campeões consecutivos (bicampeões, tricampeões, etc) : Campeões do Século XX : Campeões do Século XXI : Clássicos estaduais : Curiosidades : Estatísticas : Artilheiros : Assistências : Maiores goleadas : Clubes : Clubes em atividade : Clubes com mais participações : Maiores torcidas : Turnos : Torneios extras : Divisões : Campeonatos Amadores : Taça dos Invictos : Campeonato do Interior : Torneio Início : Troféu : Bola oficial : Video game : Jogos na TV : Jogos na Internet : Jogos no Rádio : Notícias : Fotos : Vídeos : Estádios : Premiação : Árbitros : Jogadores : Treinadores : Ingressos : Média de público : Uniformes e Camisas : Campeonatos estaduais mais antigos do Brasil : Campeonatos estaduais com mais edições : Clubes que disputam campeonatos estaduais em outros estados : Campeonatos Estaduais da Região Centro-Oeste : Campeonatos Estaduais da Região Nordeste: Campeonatos Estaduais da Região Norte : Campeonatos Estaduais da Região Sudeste : Campeonatos Estaduais da Região Sul

• Campeonato Estadual do Acre - Campeonato Acriano
• Campeonato Estadual de Alagoas - Campeonato Alagoano
• Campeonato Estadual do Amapá - Campeonato Amapaense
• Campeonato Estadual do Amazonas - Campeonato Amazonense
• Campeonato Estadual da Bahia - Campeonato Baiano
• Campeonato Estadual do Ceará - Campeonato Cearense
• Campeonato Estadual do Distrito Federal - Campeonato Brasiliense
• Campeonato Estadual do Espírito Santo - Campeonato Capixaba
• Campeonato Estadual de Goiás - Campeonato Goiano
• Campeonato Estadual do Maranhão - Campeonato Maranhense
• Campeonato Estadual de Mato Grosso - Campeonato Mato-Grossense
• Campeonato Estadual de Mato Grosso do Sul - Campeonato Sul-Mato-Grossense
• Campeonato Estadual de Minas Gerais - Campeonato Mineiro
• Campeonato Estadual do Pará - Campeonato Paraense
• Campeonato Estadual da Paraíba - Campeonato Paraibano
• Campeonato Estadual do Paraná - Campeonato Paranaense
• Campeonato Estadual de Pernambuco - Campeonato Pernambucano
• Campeonato Estadual do Piauí - Campeonato Piauiense
• Campeonato Estadual do Rio de Janeiro * - Campeonato Carioca / Campeonato Fluminense
• Campeonato Estadual do Rio Grande do Norte - Campeonato Potiguar
• Campeonato Estadual do Rio Grande do Sul - Campeonato Gaúcho
• Campeonato Estadual de Rondônia - Campeonato Rondoniense
• Campeonato Estadual de Roraima - Campeonato Roraimense
• Campeonato Estadual de São Paulo - Campeonato Paulista
• Campeonato Estadual de Santa Catarina - Campeonato Catarinense
• Campeonato Estadual de Sergipe - Campeonato Sergipano
• Campeonato Estadual do Tocantins - Campeonato Tocantinense

* O título oficial do Campeonato Carioca é Campeonato Estadual do Rio de Janeiro. O gentílico (o que designa um indivíduo de acordo com o seu local de nascimento) "carioca" é oficialmente destinado apenas para os que nascem na cidade do Rio de Janeiro. Já o gentílico do estado do Rio de Janeiro, incluindo a capital do estado, é "fluminense". Alguns anos após a fusão do estado da Guanabara (cidade do Rio de Janeiro) com o antigo estado do Rio de Janeiro, o Campeonato Fluminense foi extinto. O atual Campeonato "Carioca", portanto, deveria ser denominado "Campeonato Fluminense".


Leia também

 

Curso de Trader Esportivo

Você já imaginou fazer da sua paixão uma fonte de renda? Aprenda a operar na melhor casa de trade esportivo do mundo, do básico ao avançado, desde o processo de criação da conta, até a as operações financeiras. Saiba como se transformar num especialista de Trader Esportivo!


Faça agora o Curso Trader Esportivo

Quem somos

O QuadroDeMedalhas.com é um site de todos os esportes. Fundado em 2006 por pessoas que gostam e admiram os mais diversos eventos esportivos. Confira aqui a programação, história, regras e as principais competições esportivas.


Contato

Sugestões? Informar erros? Dúvidas? Entre em contato.

Próximos Eventos Esportivos

Eurocopa 2020
Eurocopa 2020 Eurocopa