Boxe

Confira a história do Boxe e as principais competições.

Boxe

História do Boxe

A "luta de punhos" surgiu em 4.000 a.C. na atual Etiópia. O esporte ganhou adeptos no Egito e, depois, em todo o Mediterrâneo.



O boxe foi incluído nos Jogos Olímpicos da Antiguidade apenas em 688 a.C., nas regras antigas a luta só terminava quando um dos lutadores fosse nocauteado.

O boxe desapareceu da Europa com o avanço do Cristianismo. O esporte era considerado agressivo demais, mas no final do século XVII, o boxe reapareceu na Inglaterra, tornando-se um esporte popular no século seguinte.

A palavra "boxe" é uma derivação do verbo inglês "to box", que significa "bater", ou "bater com os punhos". A expressão foi utilizada na Inglaterra entre 1000 e 1850.

James Figg é considerado o pai do boxe moderno. Além de ter sido o primeiro campeão inglês dos pesos pesados, Figg foi pioneiro em ensinar boxe publicamente. Figg popularizou as sessões de sparring e promoveu novos locais destinados à prática do boxe.

Jack Boughton, um dos discípulos de Figg, tornou-se campeão inglês em 1729, título que manteve até 1750. Boughton passou também a ensinar boxe em Londres. As regras que Boughton criou em 1743, a London Prize Ring rules foram utilizadas por quase cem anos. Em 1838 as regras foram detalhadas e em 1853 foram estabelecidas mudanças. Em 1867 o Marquês de Queensberry propôs limite de rounds, intervalos, contagem até 10, uso de luvas, categorias de peso, entre outras inovações que estão em vigora até os dias de hoje.

O boxe chegou clandestinamente aos Estados Unidos no início do século XIX, o esporte era ilegal na maioria dos estados americanos. Tornou-se popular em áreas rurais e mais pobres.

A categoria dos pesos pesados é a mais importante do boxe desde o seu surgimento. Acredita-se que a mística foi criada não somente porque os pugilistas desta categoria são os mais pesados, mas também pelo número de nocautes e grandes diferenças de altura, estilo e peso.

A história do boxe no Brasil

O boxe era desconhecido no Brasil até o século XX. Imigrantes alemães e italianos já praticavam o esporte. No início o esporte era associado à capoeira e à marginalidade.

As primeiras exibições de boxe no Brasil foram com marinheiros europeus nos portos de Santos e do Rio de Janeiro. A primeira luta documentada de boxe no Brasil foi a vitória de um integrante de uma companhia de ópera sobre Luis Sucupira, o Apolo Brasileiro, em São Paulo em 1913.

Apolo tornou-se um entusiasta. A lição que aprendeu da derrota foi que a técnica pode superar a força. Integrante de uma família de classe média alta Apolo foi o primeiro grande divulgador do esporte no país.

O marinheiro Goes Neto depois de voltar da Europa fez várias exibições no Rio de Janeiro em 1919. Numa delas estava o sobrinho de Rodrigues Alves, então Presidente da República, que se encantou com o esporte. O boxe ganhou ainda mais divulgação e tornou-se legalizado e regulamentado nos anos seguintes.

Nos anos 1920 as lutas no Clube Espérie em São Paulo ficavam lotadas, devido a organização de Batista Bertagnolli. Celestino Caversazio é considerado o primeiro treinador de boxe brasileiro. Em 1923 foi criada a primeira academia de boxe no país, a Brasil Boxing Club.

Os filmes que documentavam as lutas de boxe chegaram aos cinemas brasileiros. Era a oportunidade de jovens pobres migrarem de classe social rapidamente. Benedito dos Santos, o Ditão, era um deles. Negro e pobre, Ditão chegou ao sucesso com três nocautes nos seus três primeiros adversários. O público ficou eufórico e foi organizado um combate contra Hermínio Spall, campeão europeu dos pesados, que tinha ido à Argentina lutar com Angel Firpo.

Apesar de derrubar Spalla no primeiro assalto, Ditão foi surrado até cair no nono round. Ditão teve um derrame cerebral, sobreviveu, mas teve de se aposentar.

O incidente provocou a repulsa pelo esporte, com uma campanha dos jornais contra o boxe. Pressionado, o governador de São Paulo proibiu a prática de boxe, que foi revogada em 1925. Mesmo assim as estrelas internacionais ficaram longe do país por uma década.

O interesse do boxe voltou a crescer. O peso leve Italo Hugo, o Menino de Ouro, tornou-se ídolo. Seu maior feito foi nocautear em 1931 Juan Carlos Gazala, campeão sul-americano dos leves.

Nos anos 1930 foram criadas as federações de boxe em alguns estados, apesar da Revolução de 32 os boxeadores profissionais passaram a disputar oficialmente títulos internacionais; e os amadores já participavam de torneios internacionais.

Em 1933 o Brasil participou de seu primeiro campeonato internacional: o Sul-Americano de Boxe Amador, realizado na Argentina. A seleção brasileira era composta apenas de atletas cariocas, pois apenas no Rio de Janeiro o boxe era legalizado pela federação.

Com a inauguração do Pacaembu, em 1940, pode-se ter lutas de nível internacional, com destaque para Atílio Lofredo e o peso médio Antônio Zumbano, o Zumbanão - primeiro astro do boxe brasileiro.

A década seguinte é considerada a nova época de ouro para o boxe brasileiro. O empresário Jacó Nahun lançou grandes nomes no cenário, como Éder Jofre, o peso galo Kaled Curi (o Beduíno) e o peso leve Ralf Zumbano (o Bailarino), e conseguiu intercâmbio com o Luna Park, maior ginásio de boxe da América do Sul, localizado em Buenos Aires. Nesta época se destacaram também vários pugilistas como o Luis Inácio, o Luisão, considerado o maior meio-pesado brasileiro de todos os tempos; o peso meio-médio Paulo de Jesus Cavalheiro; entre outros.

Sem dúvida o nome de maior destaque no boxe brasileiro dos anos 50 e 60 foi Éder Jofre, o maior boxeador brasileiro de todos os tempos. Éder Jofre foi eleito um dos dez melhores boxeadores do século XX pelos leitores da The Ring Magazine. Além de ser o primeiro boxeador não-americano a entrar no Hall da Fama do boxe.

O pai e mãe de Éder Jofre eram pugilistas. Em 1953, Éder Jofre estreou como amador aos 17 anos. O sucesso só viria como profissional a partir de 1956. Dois anos depois se consagrou campeão brasileiro dos pesos galo. O reconhecimento no exterior só veio com as lutas de Éder Jofre nos Estados Unidos. Éder Jofre venceu o mexicano Eloy Sanchez em apenas seis rounds na disputa do título mundial da NBA (atual WBA).

Em 1962, Éder Jofre unificou os títulos da NBA e da UEB (União Europeia de Boxe) com a vitória sobre o irlandês Johnny Caldwell num ginásio do Ibirapuera lotado. Éder Jofre defendeu seu cinturão por sete vezes, até 1965, quando foi batido duas vezes pelo japonês Masahiko "Fighting" Harada. Após a derrota na revanche Jofre decidiu parar. Retornou nos anos 70 com relativo sucesso. Em 1973 conquistou o título mundial do CMB nos pesos pena. Encerrou sua carreira três anos depois, aos 40 anos, com 78 lutas, 50 vitórias por nocaute e apenas duas derrotas.

A jofremania fez surgir novos talentos no cenário nacional como Servílio de Oliveira e Miguel de Oliveira. O boxe ficou esquecido nas transmissões de televisão até o ressurgimento promovido por Luciano do Valle na TV Bandeirantes. Surgiram novos nomes de destaque como o superpena Francisco Thomás da Cruz e o meio-pesado Rui Barbosa Bonfim. Nada comparado ao fenômeno de mídia Maguila.

O folclórico peso pesado Adilson José Rodrigues recebeu o apelido devido ao personagem da Hanna-Barbera. Maguila venceu por nocaute 78 de suas 87 lutas. Tornou-se em 1989 o segundo colocado no ranking do CMB. O fãs já esperavam uma luta contra Mike Tyson. Entretanto, entre eles estavam Evander Holyfield e George Foreman, dois gigantes do boxe mundial que derrotaram o lutador brasileiro. Em 1995 tornou-se campeão mundial pela obscura WBF (Federação Mundial de Boxe).

O boxe brasileiro retornou a mídia com Acelino Freitas, o Popó - campeão mundial dos super-penas pela WBO entre 1999-2003 e WBA em 2002-2003; leves pela WBO em 2004 e 2006-2007. Popó conquistou 38 vitórias (32 por nocaute) e uma derrota, contra o norte-americano Diego Corrales, em 2004.

• Confira o Ranking Brasileiro de boxe amador masculino aqui.
• Confira o Ranking Brasileiro de boxe amador feminino aqui.

Características do boxe

Ringue - quadrado que pode medir de 4,90 a 6,10 metros de cada lado.
Luvas - pesam entre oito e dez onças (224 e 280 g).
Duração das lutas - doze assaltos de três minutos. Nos Jogos Olímpicos as lutas são disputadas em quatro assaltos de dois minutos.
Jurados - são cinco jurados nas lutas profissionais.
Saco de treino - pesa entre 40 e 50 kg. Feito de couro e recheado de serragem ou raspas de pneu.
Punching ball - pesa entre 300 e 500 g.

O que faz o sparring?

No boxe o sparring é um pugilista que ajuda o outro a treinar. O sparring ajuda o pugilista a desenvolver o seu potencial. É um engano achar que sparrings não são bons pugilistas. Larry Holmes, Oscar de La Hoya e Riddick Bowe já foram sparrings.

Resultados do boxe atualizados (em inglês)
Agenda das lutas de boxe atualizada (em inglês)

O boxe é um esporte olímpico?

O boxe apareceu nos Jogos Olímpicos de 1904 e esteve presente em todas as edições desde então, exceto os Jogos Olímpicos de 1912. Cuba e os EUA ganharam o maior número de medalhas nas edições recentes. O boxe estará nos Jogos Pan-Americanos do Rio de 2011.

Quais são as categorias do boxe?

O boxe amador e o profissional têm categorias diferentes:

Amador:
Mosca ligeiro: até 43 kg
Mosca: 51 kg
Galo: 54 kg
Pena: 57 kg
Leve: 60 kg
Superleve: 63,5 kg
Meio-médio: 67 kg
Médio-ligeiro: 71 kg
Médio: 75 kg
Meio-pesado: 81 kg
Pesado: 91 kg
Super Pesado: Acima de 91kg

Profissional:
Palha: até 47,730 kg
Mosca júnior: 48,99 kg
Mosca: 50,80 kg
Supermosca: 52,16 kg
Galo: 53,42 kg
Supergalo: 55,34 kg
Pena: 57,15 kg
Superpena: 58,97 kg
Leve: 61,23 kg
Superleve: 63,50 kg
Meio-médio: 66,68 kg
Médio-ligeiro: 69,85 kg
Médio: 72,57 kg
Supermédio: 76,36 kg
Meio-pesado: 79,38 kg
Cruzador: 86,18 kg
Pesado: acima de 86,18 kg

Curiosidades do boxe

Qual foi a luta mais longa?
Às 21:15h do dia 6 de abril de 1893 os norte-americanos Andy Brown e Jack Burke começaram a lutar em Nova Orleans. A luta só acabou às 4:34h da madrugada do dia seguinte, após 7 horas e 19 minutos de combate. O resultado foi empate, devido ao cansaço dos pugilistas.

Qual foi a luta mais longa na disputa de um título mundial?
Joe Gans venceu por desclassificação Battling Nelson no 42º assalto em Goldfield, EUA, em 3 de setembro de 1906.

Qual foi a luta profissional mais curta?
O pugilista Al Carr nocauteou Lew Massey aos sete segundos em 3 de abril de 1936 em New Haven, EUA.

Qual foi a luta profissional mais curta na disputa de um título mundial?
James Warring nocauteou James Pritchard em apenas 24 segundos em Salemi, Itália, em 6 de setembro de 1991 na disputa título dos pesos cruzadores da IBF. O recorde foi igualado em 1996, quando Bernard Hopkins precisou dos mesmos 24 segundos para nocautear Steve Frank elo título mundial dos pesos médios da IBF.

Quem foi o pugilista mais alto?
O romeno Gogea Mitu lutava com seus 2,20 metros em 1935.

Quem foi o campeão mais pesado?
Em março de 1934 Primo Carnera se tornou campeão com a balança registrando 122,5kg.

Quem foi o campeão mais leve dos pesos pesados ?
Apenas 75,7 kg pesava Bob Fitzsimmons quando nocauteou no 14º assalto James J. Corbett em 17 de março de 1897.

Quem foi o campeão jovem?
O porto-riquenho Wilfred Benitez tinha apenas 17 anos e 176 dias quando derrotou Antonio Cervantes em 6 de março de 1976 pelo título mundial dos meio-médios-ligeiros da WBA.

Quem foi o campeão idoso?
George Foreman tinha 45 anos e 9 meses quando derrotou Michael Moorer ma disputa pelo título mundial dos pesos pesados da WBA e IBF, em 05 de novembro de 1994.

Quem ficou o maior número de lutas sem derrota?
Hal Bagwell ficou 180 lutas invicto (175 vitórias e 5 empates) entre 1938 e 1948.

Quem fez mais nocautes?
Archie Moore fez 141 nocautes entre 1936 e 1965.

Quem fez mais nocautes consecutivos?
Lamar Clark conquistou 44 nocautes entre 1958 e 1960.

Qual foi a maior renda?
U$ 35.864.000 foram arrecadados na luta entre Beau Jack e Bob Montgomery no Madison Square Garden, Nova York, em 4 de agosto de 1944. O expressivo valor foi conseguido graças aos bônus de guerra. A luta foi uma forma de arrecadar dinheiro para o exército dos EUA na Segunda Guerra Mundial.

Qual foi o maior público?
136.274 pessoas assistiram a vitória por nocaute no 5º round de Julio César Chavez sobre Greg Haugen na Cidade do México em 20 de fevereiro de 1993.

Qual foi a maior bolsa paga a um pugilista?
Evander Holyfield recebeu U$ 35 milhões em 28 de julho de 1997 na famosa luta contra Mike Tyson na disputa pelo título mundial dos pesos pesados da WBA. Tyson foi desclassificado por morder a orelha de Holyfield no 3º assalto.

Quem ficou menos tempo com um título?
Tony Tucker manteve o título mundial da IBF por apenas 64 dias (entre 30 de maio e 1 de agosto de 1987).

Quem ficou mais tempo com um título?
Joe Louis manteve o título mundial dos pesos pesados por 11 anos e 252 dias, entre 1937 e 1949.

Quem conseguiu reconquistar mais vezes o título?
Em 25 de março de 1958, Sugar Ray Robinson reconquistou o título mundial dos pesos médios pela quinta vez ao derrotar Carmen Basílio, em Chicago.

Quem conquistou mais títulos em categorias diferentes?
Sugar Ray Leonard conquistou o título das categorias meio médio, médio ligeiro, médio, supermédio e meio pesado.

Quem conquistou mais títulos em categorias diferentes?
Sugar Ray Leonard e Thomas Hearns conquistaram o título nas cinco categorias seguintes: meio médio, médio ligeiro, médio, supermédio e meio pesado.

Quem lutou mais vezes pelo título mundial?
Jack Britton lutou 37 vezes entre 1915 e 1922 pelo título mundial.

Quem nocauteou mais vezes nas disputas de títulos mundiais?
Archie Moore conquistou 141 nocautes entre 1936 e 1965, .

Quem nocauteou mais vezes numa disputa de título mundial?
Vic Toweel derrubou Danny O’Sullivan 14 vezes até este abandonar o combate no décimo assalto na disputa do título mundial dos pesos galos, em 2 de dezembro de 1950.

Quem teve mais rounds na disputa de um título mundial?
Emile Griffith fez 339 rounds.

Quais são os golpes do boxe?

Os principais golpe no boxe são:
• Cruzado: golpe na lateral da cabeça do adversário.
• Direto: golpe frontal.
• Jab: golpe normalmente preparatório, mas perigoso às vezes.
• Upper ou gancho: golpe desferido no queixo de baixo para cima.
• Hook: golpe desferido na linha da cintura do oponente.
• Nocaute Duplo: raro. acontece quando dois pugilistas se nocauteiam. O árbitro abre contagem para ambos. Vence a luta o atleta que se levantar primeiro. A luta é considerada nula se os dois atletas não se levantarem. • Golpes baixos: não são permitidos os golpes aplicados abaixo da linha da cintura.

Quais são as regras do boxe?

Em breve.

Boxe nos Jogos Olímpicos

Para ser considerado olímpico é preciso que o esporte seja praticado por homens em pelo menos 50 países e em três continentes, e por mulheres em pelo menos 35 países e em três continentes. Saiba mais: Boxe nos Jogos Olímpicos

Boxe nos Jogos Pan-Americanos

O boxe ou pugilismo é disputado desde a primeira edição dos Jogos Pan-Americanos. O boxe feminino fez sua estreia no Pan de Guadalajara de 2011.

Saiba mais:
Boxe nos Jogos Pan-Americanos


Leia também

 

Aeroportos Radicais! As pistas de pouso e decolagem mais extremas!

Conheça os aeroportos mais radicais do mundo. Selecionamos as pistas de pouso e decolagem mais extremas de todo o mundo. Estão incluídas as pistas que são curtas, arriscadas, aviões que passam sobre a sua cabeça na praia, pistas que cruzam ruas de veículos e com semáforos para o trânsito, pistas próximas a penhascos, montanhas, entre montanhas e o mar, construídas sobre pontes, no gelo e até em areia. Confira no vídeo:

Fonte do vídeo: quetalviajar

Quem somos

O QuadroDeMedalhas.com é um site de todos os esportes. Fundado em 2006 por pessoas que gostam e admiram os mais diversos eventos esportivos. Confira aqui a programação, história, regras e as principais competições esportivas.


Contato

Sugestões? Informar erros? Dúvidas? Entre em contato.

Próximos Eventos Esportivos

Copa das Confederações - Rússia 2017
Copa das Confederações - Rússia 2017 Copa das Confederações
Pan-Americano - Lima 2019
Pan-Americano - Lima 2019 Jogos Pan-Americanos
Eurocopa 2020
Eurocopa 2020 Eurocopa